Curiosidades



                          Como nasceu a Língua Portuguesa?

       O idioma que falamos, ou seja, o português, tem sua origem no latim, que também propiciou a formação de outras línguas, entre as quais: o francês, o espanhol e o italiano.
       Bem antes de nossa era, Roma havia se transformado numa verdadeira potência e suas legiões, combativas e indomáveis, tinham conquistado vários territórios para o Império Romano, que, na época de sua máxima expansão, se estendiam do Norte da África à Grã- Bretanha e da Luzitania à Mesopotâmia. Os soldados, os colonos e os negociantes romanos incubiam-se de popularizar o latim vulgar nas regiões em que se instalavam.
      Inicialmente, esse idioma foi introduzido na Itália. Mais tarde, na Sicília, na Sardenha e na Córsega, além de outras regiões, inclusive na Península Ibérica. Nas diversas localidades, o latim foi sofrendo modificações, produzindo diferentes dialetos.
       Esses diferentes dialetos formariam, por sua vez, os idiomas românicos ou neolatinos: provençal, francês, franco-provençal, rético, sardo, romeno, dalmático, italiano, espanhol, catalão e português.
       Chamava-se latim vulgar à língua utilizada normalmente, ou seja, à língua corrente, em oposição ao latim clássico ou literário, que era empregado por uma reduzida minoria.
       O português, como os outros idiomas, foi se desenvolvendo através dos séculos, tendo sofrido influência dos bárbaros e dos árabes, até chegar ao estágio que conhecemos hoje.
       Devemos considerar, porém, que o português de hoje é exatamente uma língua única. Registram-se dialetos, subdialetos, falares e subfalares, muitas vezes bastante diferenciados.
       Hoje em dia o português é falado nos países: Portugal, Brasil, Angola, Timor Leste, Guiné-Bissal, Moçambique, Cabo Verde,  São Tomé e Príncipe.
 
 

Vídeo do YouTube



 

Vídeo do YouTube

 
 
 
 
 
 
 
 
 
Subpáginas (1): Área de lazer